Notícias Sinduscon
31/10/2016 -
Black Friday movimenta tamb??m o mercado de im??veis novos

A Black Friday é um fenômeno nos EUA e, aos poucos, ganha espaço no Brasil, com descontos na venda de diversos produtos, inclusive imóveis novos. Após algumas tentativas de trazer o evento para o país e ter alguns problemas com consumidores e órgãos como Procon (Programa de Proteção e Defesa do Consumidor), a Black Friday já é um momento esperado pelos clientes.

Em 2015, a Black Friday movimentou R$ 1,5 bilhão apenas em vendas no varejo online. O valor superou as expectativas e também mostrou grande diferença no número de reclamações registradas pelos consumidores.

Expectativas para 2016

Para este ano, o mercado espera um aumento de 30% nas vendas durante a Black Friday, chegando a R$ 2,1 bilhões. Segundo uma pesquisa realizada pelo Ebit, cerca de 84% dos consumidores brasileiros pretendem aproveitar a sexta-feira de descontos para compras. Apesar da situação político-econômica brasileira estar abalada, alguns especialistas apostam justamente neste fator de incerteza para potencializar as vendas na Black Friday, desde que os descontos oferecidos sejam competitivos.

E no mercado de imóveis?

Há dois anos o mercado de imóveis também é movimentado pela sexta-feira pós-feriado de Ação de Graças nos EUA. Os maiores portais imobiliários brasileiros promovem ações junto às incorporadoras e construtoras para oferecer descontos em imóveis novos, os chamados lançamentos. Para 2016, as incorporadoras e construtoras prometem descontos significativos, o que atrai quem já está procurando um apartamento novo.

Dicas para aproveitar a Black Friday

Existem algumas dicas para aproveitar a Black Friday sem maiores problemas ou decepções. É possível realizar compras seguras e com descontos verdadeiros neste dia, mas alguns cuidados devem ser observados, como você encontra a seguir.

Analise suas necessidades

Antes da Black Friday, faça uma lista com tudo que você precisa e pretende adquirir na data. Coloque prioridades e organize a lista de forma a contemplar tudo que deseja mas que não se desvirtue do que realmente necessita.

Pesquise antes

Além de definir o que você precisa comprar, é necessário avaliar se o desconto oferecido na promoção vale a pena. Para isso, pesquise o preço médio e também qual o menor valor encontrado antes da Black Friday. Com a pesquisa prévia, é mais difícil ser ludibriado por descontos irrisórios.

Visite sites que tenham o endereço seguro

Ao entrar em algum site para adquirir um serviço ou bem, sempre verifique se o mesmo possui certificado de segurança, com o início da URL como https. Isso traz mais garantias de que o site é seguro para você realizar suas compras. Desconfie de lojas online que não possuem CNPJ, endereço físico ou telefone para contato. Com o aumento das vendas, aumenta também a quantidade de fraudes.
Verifique reclamações

Outra boa forma de evitar problemas após a compra é verificar a reputação da empresa em sites como o Reclame Aqui. Nem sempre a empresa ter reclamações é ruim. Avalie sua reputação no site, a satisfação dos clientes e as respostas dadas. O site oferece o selo RA 1000 para quem pratica o atendimento com excelência e esse pode ser um bom parâmetro.

A Black Friday é uma boa oportunidade de adquirir imóveis novos, smartphones, roupas, eletrodomésticos e até mesmo experiências com viagens e itens relacionados. Analise sua condição financeira, a necessidade de comprar um bem, escolha a melhor opção entre os descontos disponíveis e aproveite o momento.

FOnte: Investing